Posts Telegram não aumenta engajamento
Post
Cancel

Telegram não aumenta engajamento

Quem vê Analytics, não vê Telegram.

Telegram como ferramenta. Imagem do Telegram.
Telegram como ferramenta. Imagem do Telegram.

Telegram é uma ótima ferramenta para engajar o público e manter toda a comunicação organizada. Permite notificar 100% de seus seguidores instantaneamente e formar uma comunidade unida e forte. Tudo sem exibir números de telefone e preservando a privacidade de todos.

Canais

Canal @BsbDF
Canal @BsbDF.

É a maneira mais fácil de distribuir seu conteúdo. Canais são locais em que somente a pessoa que criou (e quem mais for autorizado) pode escrever. Os posts são entregues instantaneamente para todos os assinantes. A lista de pessoas é restrita aos administradores.

Os canais podem ser públicos, sendo acessíveis com um @nome e mantendo o histórico visível para todos. Podem também ser vinculados a grupos, permitindo assim que as pessoas façam comentários nas postagens e interajam entre si e também com os administradores. A vinculação é feita nas propriedades do canal. Somente a pessoa que for dona do canal e do grupo pode fazer a integração.

Vincular canal a grupo
Vincular canal a grupo.

Grupos

Assim como canais, grupos também podem ser públicos. A grande diferença de um grupo para um canal é que no segundo todos podem falar e podem ver a lista de membros. Os administradores podem ser colocados como anônimos pelo dono do grupo. Quando anônimos, não aparecerão na listagem de pessoas e suas mensagens sairão em nome do grupo.

Opção de permanecer anônimo
Opção de permanecer anônimo.

O grupo, quando vinculado ao canal, pode ser acessado nas propriedades do canal, clicando-se no botão Conversar. Caso haja interesse que os membros do canal somente comentem no canal e não no grupo1, mantendo a organização, bots podem ser usados para não permitir a entrada de pessoas no grupo. O @AutoKick_bot é um exemplo de bot que pode ser colocado no grupo como administrador para garantir que as pessoas usem somente o canal.

Opção conversar em um canal
Opção conversar em um canal.

Analytics

Analytics: Clique com origem Twitter
Analytics: Clique com origem Twitter.

Diferentemente do Twitter, Facebook e outras redes, o Telegram não altera os links. Por isto, não é possível saber que o clique em seu site ou vídeo veio do app. Os cliques são considerados cliques diretos, não tendo uma origem definida.

Analytics: Clique direto.
Analytics: Clique direto.

Ou seja, a menos que os parâmetros UTM2 sejam inseridos no link, as ferramentas de Analytics não saberão a origem do clique, não deixando claro o que veio do Telegram e o que não veio.

Exemplo de caso de uso: Em vez de usar no Telegram o link https://gabrf.com, pode-se usar o link https://blog.gabrf.com/?utm_source=telegram&utm_medium=telegrammessage&utm_campaign=rastreiobot. Desta forma todos os parâmetros estão definidos e os cliques contados corretamente.

Analytics: Clique com origem Telegram
Analytics: Clique com origem Telegram.

Conclusão

O Telegram pode sim ser uma excelente ferramenta para engajar as pessoas. Porém, é importante saber que o app, por ter um enorme compromisso com a privacidade, acaba por não entregar a origem dos cliques, dando a impressão que o app não gera cliques ou engajamento.

Caso a contagem de cliques seja relevante, é importante conhecer as regras do jogo e as ferramentas disponíveis. Um simples ajuste nos links fará toda a diferença na contagem, sejam os links para sites, vídeos do YouTube ou qualquer outra rede.


  1. Após a vinculação, tudo o que é postado no canal aparece no grupo, mas o que é postado no grupo não aparece no canal! 

  2. Ferramenta para definição de parâmetros UTM: https://ga-dev-tools.appspot.com/campaign-url-builder/ 

This post is licensed under CC BY 4.0 by the author.